segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Denominador tempo

Não use o tempo. O tempo não é como uma roupa que voce usa, suja, depois troca. Faça-o. O tempo não é uma roupa, mas uma cortina. Uma cortina transparente que se abre com mãos e mecanismos invisíveis ao olhos da platéia atônita. No teatro onde se estende esta cortina somos todos expectadores os quais alguns estão mais próximos do palco limite e outros mais distantes, assim alguns veem todo o espetáculo e outros veem apenas o que se lhes apresenta aos olhos, o que está à sua frente... Não espere que as coisas melhorem para amá-las como são. Não espere que o tempo resolva o que não tem solução. Desperte-o. Realize-o!